Encara aí, Icaraí!

Reverberando a chamada do Fórum LGBT do Estado do RJ.

ATO PÚBLICO CONTRA A TENTATIVA DE INVISIBILIDADE DO MOVIMENTO LGBT NO RIO DE JANEIRO

Atenção Companheiras e Companheiros,

Venho, através desta, enquanto membro do Fórum Estadual de Grupos LGBT do Rio de Janeiro, convidar todas/os as/os grupos do Estado, militantes, voluntárias/os, membros e freqüentadoras/es a apoiarem os grupos GDN e 7 Cores, de Niterói, em mais essa batalha contra o protagonismo LGBT em nosso estado.

Desta forma, chamo vocês a estarem conosco no Ato Público pela garantia da Parada LGBT de Niterói na Praia de Icaraí, nesta quinta-feira, dia 10 de setembro, às 17 horas, em frente à Prefeitura de Niterói (Rua Visconde de Sepetiba, 987- Centro- Niterói).

Para irmos unidas/os, vamos formar um caravana, encontrando-se às 15:30h na estação da barcas na Praça XV.

A Prefeitura de Niterói, na figura de seu prefeito Jorge Roberto da Silveira, NEGOU autorização para a realização da 5ª Parada do Orgulho LGBT de Niterói na Praia de Icaraí, no próximo dia 04 de outubro.

Há quatro anos, a Parada niteroiense vem sendo realizada neste que é o principal palco cultural-político e de visibilidade da cidade, recebendo apoio da gestão anterior em estrutura e contribuições políticas. O evento conta com o apoio massivo dos comerciantes locais e moradoras/es da redondeza. Além disso, nunca causou danos ao patrimônio público, desordem ou teve registro significativo de violência pelas autoridades públicas.

Com argumentos frágeis, questionando impacto no trânsito e perturbação da ordem, a Prefeitura de Niterói sugeriu a transferência da Parada LGBT para a Av. Amaral Peixoto, no centro da cidade.

No dia 01 de setembro, os grupos GDN e 7 Cores convidaram várias/os parceiras/os para discutir os próximos passos na estratégia de mobilização para a manutenção do evento em Icaraí. A reunião contou com a presença dos grupos Arco-Íris (Rio), Liberdade (São Gonçalo), Mover-se (Nova Friburgo), além da SUPERDir, e outras instituições. Após análises do cenário, ficou claro que o Prefeito Jorge Roberto vem sofrendo pressão dos setores conservadores da cidade para tal proibição. O movimento decidiu buscar um diálogo com o Prefeito, a fim de sensibilizá-lo para a manutenção do evento no seu local de direito.

Os impactos negativos da realização do evento na Av. Amaral Peixoto são muitos e podemos destacar os seguintes:

– Pouca extensão da via para a realização da marcha tendo efeito imediato no tempo de trajeto;

– Situar-se próximo aos 3 maiores hospitais da cidade, obstruindo a passagem de veículos e incomodando as/os pacientes em repouso;

– Ter ao entorno vielas e ruas escuras e inóspitas que contribuem para assaltos e outros atos de violência;

– Atrapalhar a locomoção de 24 linhas de ônibus que passam diariamente pela avenida.

Mas o principal impacto é a INVISIBILIDADE e a própria DESMOBILIZAÇÃO do evento. Afinal, emparedar a Parada LGBT entre os edifícios comerciais é impedir que a voz do Movimento LGBT ecoe para a sociedade niteroiense e fluminense.

Não podemos permitir isso, pois se o Movimento LGBT de Niterói ceder, teremos um precedente que, com certeza, repercutirá em outros eventos de visibilidade LGBT no estado, reforçando os argumentos contrários às paradas, oriundos de nossas/os adversárias/os. Ressalto ainda que Niterói, nos últimos anos tem sido palco de violência contra lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais. Não podemos nunca esquecer o caso do jovem FERRUCCIO, espancado covardemente por um grupo de pit-boys e outras agressões contra companheiros e companheiras próximos a nós. A Parada LGBT nesta cidade tem um efeito crucial de trazer este tema à tona, contribuindo para o combate à homofobia e todo tipo de discriminação.

É nossa responsabilidade militante e tarefa de cada um/a, estarmos todas e todos lá, com nossas bandeiras, faixas e apitos, fazendo muito barulho. Acredito que muitas/os de nós teremos compromissos ou a distância se fará como impedimento, mas é essa a hora, é esse o front de batalha, e a presença de cada um/a faz a diferença.

JUNTAS E JUNTOS SOMOS MAIS FORTES, e se cada um/a fizer o seu esforço pessoal a vitória será garantida. Além de celebrarmos essa conquista, estaremos de fato contribuindo para o crescimento e amadurecimento do Movimento LGBT de Niterói, que consolidou sua união, selando a paz entre seus principais grupos representantes. Essa é a grande cereja do bolo da comemoração.

Conto com a presença de vocês e os esforços em multiplicar esta convocatória.

FORTE ABRAÇO,

Julio Moreira
Secretário do Fórum Estadual de Grupos LGBT do Rio de Janeiro
Coordenador Técnico – Grupo Arco-Íris
Membro do Conselho Estadual dos Direitos da População LGBT
21-2215-0844 / 21-2222-7286 / 21-9318-0047

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: